quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Morrissey, because...




Música do disco Years Of Refusal, lançado há um ano. Foi considerado um dos melhores álbunsde 2009 ,pela revista Rolling Stone.




Diante de tantos gênios atormentados do rock, eu escolho Morrissey. Sintonia sentimental-irônica-espiritual-etc-e-tal. Melacólico e esperançoso na medida certa, realista e satírico, mas acima de tudo, um talento sem igual para escrever sobre desilusões, a anacronia da monarquia inglesa ou para defender causas como o vegetarianismo. Dos anos 1980 aos 2010, com músicas novas ou antigas, são versos que ainda fazem sentido. The king is live, girls.

p.s.: E prometo que tentarei evitar escrever/falar sobre Morrissey e The Smiths. Já deve estar chato, eu sei... haha. Mas parar de ouvir é impossível.

Um comentário:

Dessa Guimarães. disse...

haha, verdade... tem algumas bandas que é impossível parar de ouvir!

beijos