quarta-feira, 24 de dezembro de 2008

"Busca insaciável por corações e mentes"



“Pois o jornalismo é uma paixão insaciável que só se pode digerir e torná-lo humano por sua confrontação com a realidade. Ninguém que não a tenha sofrido pode imaginar essa servidão que se alimenta de imprevistos da vida. Ninguém que não a tenha vivido pode conceber, sequer, o que é essa palpitação sobrenatural da notícia, o orgasmo das primícias, a demolição moral do fracasso. Ninguém que não tenha nascido para isso e esteja disposto a viver só para isso poderá persistir num ofício tão incompreensível e voraz, cuja obra se acaba depois de cada notícia como se fora para sempre, mas que não permite um instante de paz enquanto não se recomeça com mais ardor do que nunca no minuto seguinte.”
(Gabriel Garcia Marquez)

p.s.1: Porque, volta e meia, bate um orgulho inexplicável dessa profissão! 
Um desses momentos aconteceu ao ler essa descrição humanamente verdadeira.
Créditos também ao orkut da Angélica!

p.s.2: Feliz Natal! 

2 comentários:

Diego de Moraes disse...

Feliz 2009, Marcela, ao som de Joy Division (melhor que ouvir Interpool, né?)!

Aproveite e escute o disco The Idiot, do Iggy Pop, produzido pelo Bowie. (Foi o disco que o Ian Curtis ouviu ao se enforcar, acho)

Abraços!

Péricles Carvalho disse...

eis o jornalismo em seu romantismo digno das teorias de silvana coleta em um primeiro semestre de curso que parece ser tao... tao... tao clark Quente e Louis Lane no Planeta Diário!

comédia!!! - adoro Garcia marquez e recomendo um programa do Luis Nachbin do programa "Passagem para..."(no futura) sobre a cidade do escritor e o realismo fantástico latino americano! simplesmente perfect!